Câmara Municipal das Lajes das Flores

Loading

Notícias

Municípios açorianos na linha da frente na atuação em situação de catástrofe

Quarta, 23 de Maio de 2012

Quanto mais preparados os municípios estiverem para uma situação de catástrofe, mais eficazmente os mesmos poderão atuar no terreno. Este foi a ideia defendida hoje pelo administrador delegado da associação de municípios da região autónoma dos Açores (AMRAA), durante a conferência de imprensa para apresentação do III fórum intermunicipal de intercâmbio de experiências em prevenção de riscos que decorreu na sede da AMRAA.


Segundo referiu na ocasião, os municípios encontram-se na linha da frente de atuação nestas matérias, recorrendo, por questões de disponibilização de meios, aos serviços regionais disponíveis para a proteção civil.

Por tal fato, e no âmbito do PCT MAC 2007-2013, cujo objetivo geral é o de preparar as organizações locais e municípios para situações de catástrofe, nomeadamente através da realização de planos de emergência municipais e preparar as regiões envolvidas (Açores, Madeira e Canárias) para que se possam minimizar os danos, quer pessoais, quer materiais, neste tipo de circunstâncias, surge a organização do III fórum intermunicipal de intercâmbio de experiências em prevenção de riscos e que irá decorrer durante o dia de amanhã no hotel marina atlântico.

Trata-se de um fórum que surge no âmbito de diversas atividades já desenvolvidas no âmbito do projeto PREMUMAC, relacionado com a preparação dos municípios dos Açores, Madeira e Canárias, para situações de catástrofe e que pretende ser uma importante ferramenta para os municípios ultraperiféricos, nomeadamente para a questão dos riscos, preparando igualmente os sistemas de proteção civil locais para poderem eles próprios atuarem, independentemente das estruturas regionais ou de ilha.

Aliás, a troca de experiências e de diversas situações de catástrofes são premissas que para o administrador delegado da AMRAA farão toda a diferença durante este fórum.

Como referiu, e sem esquecer o papel preponderante do serviço regional de proteção civil e bombeiros dos Açores, os municípios açorianos têm demonstrado que é possível atuar eficazmente ao nível do poder local em situações de catástrofe.

“Temos, cada vez mais, de envidar esforços no sentido de todos trabalharem em conjunto, nomeadamente os municípios com a região”, realçou.
Reportando-se aos planos municipais de emergência, o mesmo responsável associativo disse que já existem municípios nos Açores com o seu plano municipal de emergência atualizado, mostrando-se confiante na sua concretização plena a curto prazo.

A concluir, este responsável associativo disse ainda que nesta matéria, e na primeira fase do PREMUMAC, este projeto garante, desde já, que seis municípios açorianos possam ter acesso a cartografia de risco, que se assume como uma das principais componentes para a elaboração dos planos municipais de emergência.

Fonte: AMRAA, Radio Atlantida

Retroceder

Documentos

Consultar Arquivo

O tempo nas flores

Projecto Climaat - Webcam
Webcam Projeto Climaat
Spot Azores
Spot Azores